Fliegend – At The Dark Gate From The Hidden Whiteness

Diretamente do chile chega até nós via FunerART PosmoGROUP o primeiro full-length de uma banda relativamente desconhecida por essas bandas chamada Fliegend. O grupo pratica um Depressive Black Metal bem cadenciado e carregado, tendo o play foi batizado com a alcunha “At The Dark Gate From The Hidden Whiteness”.

A primeira música se chama  Auf den Bäumen in dem Wald e se apresenta uma bela e tocante intro para a segunda música: Nostalgia. Aqui temos o clima característico do Depressive Black Metal, guitarras cortantes e belas camas de melodias feitas por guitarras limpas. A terceira música se chama Desierto e segue o mesmo padrão, apresentando ótimos vocais de Psychopath (Vocais esses que são um dos grandes destaques do disco, bem impostados e com ótimos timbres), guitarras certeiras e ótimas ambientações. A seguir temos a quarta faixa batizada de Recuerdos Sangrientos que já de cara nos mergulha num clima denso e macabro, com seu começo limpo e logo após entrando guitarras declamando belos riffs, ótimos vocais e bateria certeira. A música perto dos seus seis minutos apresenta uma sessão um tanto quanto macabra, com guitarras distorcidas apresentando riffs perturbadores com alguma ambiência, mas sempre acompanhados dos vocais de Psychopath, criando um clima bizarro e ao mesmo tempo confortante, só ouvindo pra entender mesmo. Sensacional! A seguir temos Sombras e novamente temos como grande destaque das faixas o belo vocal de Psychopath. O que esse cara faz é absurdo, conseguindo criar várias ambiências com um vocal que em sua técnica não varia muito. O cara canta com vontade e emoção mesmo. Essa música apresenta andamentos bem mais lentos que a maioria do cd, chegando em alguns momentos a beirar as raias do Funeral Doom. Guitarras e teclados unem-se para criar paredes sonoras que caíram muito bem com a levada lenta da bateria, porém na segunda parte da música, temos de volta o Depressive Black Metal praticado pelo grupo, criando uma bela dualidade na canção, criando mais um belo momento do CD. A última música apresenta o nome de Gehen zur Hölle e é apenas instrumental. Um começo tímido que vai progredindo num final singular, porém belo.

O grupo tem dois álbuns lançados, sendo esse o primeiro e o mais novo chamado de “Auf dem kosmischen Tal suche ich nach meinem Tod”. A banda é desconhecida por essas terras mas merece uma ouvida cuidadosa, indicada para apreciadores do gênero e do som depressivo em geral. Confiram!

 

Fliegend – At The Dark Gate From The Hidden Whiteness (FunerART)

1. Auf den Bäumen in dem Wald

2. Nostalgia

3. Desierto

4. Recuerdos Sangrientos

5. Sombras

6. Gehen zur Hölle

 

 

Contatos:

http://www.myspace.com/fliegend

 

Resenha por Luiz Mallet. guitarrista das bandas Boreal Doom e Vociferatus

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s