Wedding in Hades – Misbehaviour

Passado dois anos do lançamento do debut, eis que retornam com um belíssimo segundo álbum.
Já nos primeiros acordes podemos notar, além de uma qualidade de gravação superior ao debut, também um cuidado maior com as composições. Não que as do debut fossem ruins, muito pelo contrário, mas nesse Misbehaviour podemos notar partes mais melancólicas e partes mais “agressivas”.
No álbum anterior senti uma pegada muito maior do gothic/doom em suas composições, e neste álbum podemos notar que a banda deixou fluir seu lado doom/death, o que me agradou em cheio.
Forsaken, faixa que abre o disco, meio que resume todo esse sentimento, pois temos uma linha de violino já em seu início, vocais melancólicos de S.Toutain cantarolando as primeiras frases, para depois o peso das guitarras se fazerem presentes e S.Toutain começar a mostrar o poder de seu vocal gutural. Um pouco antes da metade o som da banda dá uma parada e vai se arrastando em um quase Funeral/Doom e se torna um dos momentos mais marcantes da faixa.
Men to the Slaughter é a seguinte e nos brinda com uma bela linha de guitarra, além do primeiro solo que lembrou muito as frases de Gregor Mackintosh na época do álbum Gothic. Outro detalhe que marcou na faixa é a presença de refrão, e apesar de ser apenas a frase “Shoot to Kill”, torna-se impossível você não cantarolar.
Sleeping Beauty começa com uma caixinha de música daquelas infantis, e temos novamente a guitarra conduzindo a faixa com belas frases e os vocais limpos dão um toque “angelical” para ela, a entrada do “anjo mal” com os vocais mudando de rumo.
Uma coisa que fica latente no som desses franceses é a influência de Type O Negative, pois em muitas vezes presenciamos os vocais sussurados sendo levados pelo baixo e a atmosfera de teclado dando todo o clima, como presenciamos no final da faixa.
Dust in a Stranger’s Eyes é outra faixa voltada ao doom/death arrastado e a presença de violino tocado de forma simples, da um charme especial para ela, pois ele (o violino) não tira a atenção do que está sendo tocado.
Os já citados vocais guturais de S.Toutain dão um toque maléfico para a faixa, pois nota-se um certo desdém ao escutar a frase: “… Forsaken by Angels, addicted to their dust. Cursed by the poison that runs in your veins…”.
Regrets, apesar de seu início lento, rapidamente ganha velocidade e parece que logo irá rolar um blast beat, mas pelo contrário, há uma nova quebrada em seu andamento e somos surpreendidos por uma passagem acústica, para logo as guitarras cadenciadas se fazerem presentes. The One to Blame inicia logo dando impressão de ser continuação da faixa anterior e seguindo na mesma pegada.
Almost Living é uma faixa longa e é ela que encerra o álbum, já que seguindo temos a faixa Men to the Slaughter (Reprise) que é uma versão editada da mesma. Voltando à Almost Living que inicia com um clima de teclado e violões sendo acompanhados pelos vocais limpos do já citado cidadão.
Novamente nessa faixa os violinos se fazem presentes, sendo bem encaixados e podemos escutar toda a harmonia entre ele e a guitarra. Essa música deve ser bem interessante de assistir ao vivo somente para presenciar as mudanças de vocais em suas passagens limpo/gutural/limpo numa mesma sequência de frase.
Para quem já havia se supreendido com o debut, tenho certeza que esse play irá surpreender novamente e por um bom tempo irá ficar em seu playlist.

 

Wedding in Hades – Misbehaviour (BadMoodMan/Solitude Prod)
1. Forsaken
2. Men to the Slaughter
3. Sleeping Beauty
4. Dust in a Stranger’s Eyes
5. Regrets
6. The One to Blame
7. Almost Living (but not dead yet)
8. Men to the Slaughter (reprise)

 

 

https://www.facebook.com/weddinginhades
http://weddinginhades.bandcamp.com/
http://solitude-prod.com/blog/lang/eng/2012/04/bmm-050-12-wedding-in-hades-misbehaviour/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s