Serviço de Utilidade Pública

E o papai Noel veio deprimido esse ano.
Após a liberação para download de 3 compilações do selo Solitude Prod, dessa vez a banda cearense de doom metal Lacryma Sanguine libera as 3 faixas de seu ep lançado em 2008 para download na rede.
A banda está preparando seu debut-album e aproveita para divulgar ainda mais o seu som, visto que esse ep estava disponivel no iTunes Store pelo seu antigo selo e as poucas cópias físicas do EP esgotaram-se rapidamente.

 

Free Download:
http://lacrymasanguine.bandcamp.com/

Serviço de Utilidade Pública

Presentão se Natal do selo russo Solitude Prod.
Acaba de ser disponibilizado  para download, três coletâneas dos selos Solitude Prod, Bad Mood e Slow Burn, abaixo segue o tracklist e também o link para o download.

 

*Solitude Productions Compilation 2011*

01. Mare Infinitum – Sea Of Infinity (9:47)
02. Funeral – Your Pain Is Mine (7:47)
03. Heavy Lord – Fear The Beard (7:53)
04. Stangala – Al Lidou Esoterik An Dolmen Hud (7:36)
05. Fangtooth – Father (5:53)
06. Night Of Suicide – Desire (11:05)
07. Abstract Spirit – Post Mortem (11:20)
08. Comatose Vigil – Autophobia (23:15)
09. The Undergrave Experience – Mater Mortalis Tenebrarum (24:21)
10. Septic Mind – Doomed To Sin (18:43)
FREE Download here:
http://solitudeproductions.bandcamp.com/album/solitude-productions-compilation-2011

*BadMoodMan Music Compilation 2011*

01. In Loving Memory – Even A God Can Die (6:43)
02. (Echo) – The Coldest Land (9:09)
03. Raventale – These Days Of Sorrow (5:50)
04. Kamlath – One Tired Wise (6:45)
05. The Sullen Route – Hysteria (5:37)
06. Tears Of Mankind – So Long And Recently (8:22)
07. Benighted In Sodom – Chains Of Bliss (7:30)
08. The Morningside – The Trees: Part One (12:38)
FREE Download here:
http://badmoodmanmusic.bandcamp.com/album/badmoodman-music-compilation-2011

*Slow Burn Records Compilation 2011*

01. Grown Below – Trojan Horses They Ride (13:39)
02. Grown Below – Devoid Of Age (4:10)
03. Fading Waves – Destroying The Time (8:13)
04. Fading Waves – Perforate The Sky (9:08)
05. Reido – Arhat (4:46)
06. Reido – Degeneration Cycle (5:54)
07. Drawers – Caput Mortuum Ocean (4:16)
08. Drawers – Ivory Lighthouse (6:47)
09. Somnolent – Chrysakis Verge (Part II Tearing Out) (6:57)
10. Somnolent – Solipsistic Exfolation (7:15)
11. Starchitect – Light (3:51)
12. Starchitect – Silence (7:37)
FREE Download here:
http://slowburnrecords.bandcamp.com/album/slow-burn-records-compilation-2011

Evadne – The Shortest Way

Quando surgiu ao mundo com seu debut em 2007, esses espanhóis praticavam um doom metal e que por vezes flertava com o gothic, talvez devido pela situação cômoda de ter uma tecladista/vocalista e que por vezes dava sua contribuição.
Alguns anos tempestuosos se passaram e com ela as mudanças de formação e também o amadurecimento. Tendo o espírito renovado e com uma nova gravação que ainda não está disponível para o grande público, e podemos encarar como um novo recomeço para esses talentosos e melancólicos músicos espanhóis e nesse material encontramos um poderoso melodic doom death, onde podemos encontrar grande influência de Swallow the Sun.
O álbum abre com a poderosa No Place for Hope, vocais guturais, guitarras repletas de melodias, teclado dando aquele clima soturno, baixo preciso e bateria muito bem trabalhada. Seguindo na mesma linha temos Dreams in Monochrome, que segue em um andamento bem variados que vai de bumbos duplos à momentos mais atmosféricos, os vocais de Albert dão um show a parte, pois vai dos vocais guturais aos melodiosos muito bem encaixados/executados.
This Complete Solitude vem para massacrar novamente o ouvinte que pouco tempo teve para se recuperar do último petardo, e fica quase impossível não cantar junto.
One Last Dress for One Last Journey segue na mesma linha das anteriores mas com uma quebrada em seu andamento que fica quase impossível não bater cabeça para após sentir a aura melancólica na passagem de piano onde você começa a sentir a alma saindo do corpo para abruptamente você retornar.
All I will Leave Behind é a faixa mais longa e também a mais arrastada, e nesse momento que todo senso melódico/melancólico vêm a tona. Em meio as frases de guitarra, notas de piano vão sendo tocadas, uma bela passagem atmosférica e uma pequena intervenção com vocal feminino surge dando todo o clima soturno para a canção.
A instrumental The Wanderer, lembra as linhas de guitarra do grandioso Anathema da fase Alternative4/Judgement e serve de aperitivo para Further Away the Light.
E para fechar esse belíssimo cd temos Gloomy Garden e temos logo de cara os vocais “cantados ao pé do ouvido” para depois vir urrando parecendo o demônio encarnado. O trampo de guitarra não só dessa faixa, mas de todo o disco é surpreendente e não há como você tentar destacar uma única música em meio a um cd tão homogêneo e inspirado, pois cada faixa se torna a sua preferida até a audição da próxima.
E o interessante é a integração da arte da capa com todo o contexto do material, ao escutar o cd e ficar analisando a arte gráfica, você vai identificando algumas passagens com a ilustração.

 

Evadne – The Shortest Way (Solitude Prod.)
1. No place for hope
2. Dreams in monochrome
3. This complete solitude
4. One last dress for one last journey
5. All I will leave behind
6. The wanderer
7. Further away the light
8 Gloomy garden

 

 

Contato:
http://www.evadne.es
Facebook 
http://solitude-prod.com/blog/lang/eng/2012/04/sp-057-12-evadne-the-shortest-way/

 

 

 

 

Knights of White Triangle – Knights of White Triangle

Pense no inferno digital se aproximando, é esse EP do Knights of White Triangle, para ser mais explícito temos aqui uma banda Postmodernist Doom (seja lá o que isso signifique) mas exatamente o que temos é um Drone + Dark Ambient, com batidas destruidoras, guitarras pesadas, vocalizações desesperadas e urradas.
Na primeira faixa Colossus em que eu me refiro ao inferno digital, são uns barulhos iguais ao computador que geralmente possuímos em casa e você se empolga e abre uns 300 programas, além do seu tocador de música e dá aquela travada básica, cheguei a ouvir umas 3 vezes essa faixa, para me certificar que não era o meu computador.
A faixa seguinte Begotten é também bem caótica dando a impressão que um tsunami está destruindo tudo próximo a você, uma espécie de barulho de sirene de toque de recolher e a sensação que o mundo está se acabando.
Espero que venha logo um full-lenght pois esse EP acabou deixando um gosto de quero ouvir mais destruição.

 

Knights of White Triangle – Knights of White Triangle (FunerART)
01. Colossus
02. Begotten

 

 

Contatos:
http://www.myspace.com/droomed
Download Free

 

Post original: http://wp.me/p1kjIP-2Z

Colosseum – Chapter 3: Parasomnia

Este álbum do Colosseum é a forma física da desolação do ser humano.
Já em seus primeiros acordes da extensa faixa Dilapidation and Death já mostra para que veio, seus fraseados viajantes de guitarra em contra ponto com acordes de piano elétrico, e o que falar sobre aqueles corais nos minutos finais, são realmente de rasgar a alma.
Questioning Existence serve de prelúdio para a gélida e não menos bela Passage to Eternity. Já na faixa título, seu início atmosférico hipnotizante nos deixa uma sensação de pesar, já sabendo que esta é a última música do play e também ao saber que não haverá outro disco dessa maravilhosa banda.
Como disse na entrevista com Sameli, que este disco acabou se tornando póstumo, e com certeza Juhani esteja onde estiver, sente-se orgulhoso do trabalho desses rapazes.
Só um toque eu dou, se você estiver pensando em tentar algo contra si, não escute esse disco, pois com toda a certeza, você NÃO chegará ao final dele.

 

Colosseum – Chapter 3: Parasomnia (Firedoom)
1. Dilapidation and Death
2. Questioning Existence
3.  Passage to Eternity
4. On the Strand of Nightmares
5. Parasomnia

 

 

Contatos:
http://www.myspace.com/colosseumband
http://www.colosseumdoom.com/

Post original: http://wp.me/p1kjIP-3g

Frustration Emotions – La Creación Humana

Ao colocar esse play para rolar, feche os olhos e pense da seguinte forma: você vai entrar em transe e os momentos mais marcantes de sua vida, irá passar de frente aos seus olhos.
Todas  aquelas emoções de angústia, desespero, euforia e com certeza um turbilhão de coisas irá sentir.
A primeira faixa Algo, é o meio de transporte dessa realidade para o que está guardado em sua mente. A partir da segunda faixa Designio que a coisa vai ficando feia, mas no bom sentido, algumas vocalizações em vocoder parece que alguém do além-túmulo está tentando conexão, e aquela pessoa chorando ao fundo, vai nitidamente lhe dando um certo desespero.
Tyempo y Sueños
 é outra faixa que vai aflorando os sentidos, pois aqueles acordes de sintetizadores, aliados as batidas tribais leva o ouvinte a um mergulho ao seu interior.
Já em Rebelión y Génesis apesar do começo meio angústiante, cai numa batida bem dançante, digno de raves góticas.
Prato cheio para fãs de Drone e se você não é chegado nesse tipo de som, peço para que dê uma pequena conferida, principalmente naquele momento em que você quer ficar consigo mesmo.

 

Frustration Emotions –  La Creación Humana (FunerART)
1. Algo
2. Designio (Feet: Art of Empathy)
3. Concepción del Pecado
4. Tiempo y Sueños (Feet: Dios Incandescente)
5. Su Enfermedad (Feet: A.b.o.u.t.T.h.e.L.i.g.h.t.)
6. Rebelión y Génesis (Feet: Say Just Words)
7. Venganza
8. La Creación Humana (Feet: Folkrying)
9. Nada

 

 

Contatos:
http://www.funerart.org/
http://www.myspace.com/funerarttheexperimentalul 
http://www.FunerART.org /store.html

Post original: http://wp.me/p1kjIP-3q